X

NOTÍCIA

Café com Economia abordou sobre suicídio e problemas financeiros

Publicada em: 28/09/2016 | Assessoria de Comunicação FAHOR

O programa de rádio Café com Economia FAHOR engajou-se à campanha do Setembro Amarelo e abordou o tema suicídio, visto que os problemas financeiros estão entre as principais causas da depressão e do suicídio.

Transmitido todas as quartas-feiras, às 8h20min pela Rádio Olinda FM, o Café com Economia desta semana teve a participação da professora Jaqueline Nogueira de Sá, que trouxe dados e informações de extrema importância para o debate, reflexão e conhecimento dos ouvintes. Ela afirmou que o Brasil é o 8º país com mais suicídios no mundo, conforme a Organização Mundial da Saúde. Nos países desenvolvidos, a prática tem relação com desordens mentais provocadas especialmente por abuso de álcool e depressão.

Já nos países mais pobres, as principais causas das mortes são a pressão e o estresse por problemas socioeconômicos. "As dificuldades financeiras e as dívidas não apenas tiram o nosso sono, como também atrapalham a nossa saúde, geram estresse, redução da produtividade no trabalho, nervosismo, depressão e até mesmo o suicídio. Não é uma tarefa fácil contornar a situação. Mas, com disciplina, vontade e conhecimento pode-se trazer novamente a paz e o sossego", diz a professora.

Veja algumas dicas repassadas pela Economista:

1. Aceitar e reconhecer a dívida tomando a decisão de que não queremos mais viver dessa forma e devemos saber que para isso exigirá sacrifícios. Talvez tenhamos que mudar nosso padrão de vida.

2. Trabalhar a autoestima.

3. Aumentar os nossos ganhos: para isso, às vezes, é preciso buscar qualificação, procurar novo emprego ou ainda, ter mais de um emprego.

4. Reduzir nossos gastos: Exige mudanças de hábitos, como anotar tudo o que gastamos e verificar o que podemos cortar. Fazer trocas, por exemplo, trocar o uso do carro por ir a pé, vender o carro ou outro patrimônio para quitar algumas dívidas ou para sobrar dinheiro das prestações. Pesquisar preços, optar por promoções, produtos locais, mais baratos também são alternativas.

5. Saber o valor exato da dívida, com os juros, e planejar o pagamento.

Fique ligado e acompanhe o Café com Economia FAHOR. Para sugerir algum tema a ser abordado, envie sua dica para coord.ec@fahor.com.br

Busca

Newsletter

Aniversários