X

NOTÍCIA

Horizonte Ambiente Empreendedor sedia workshop sobre diagnóstico socioeconômico

Publicada em: 27/07/2017 | Assessoria de Comunicação FAHOR

O Horizonte Ambiente Empreendedor recebeu na tarde de quarta-feira, 26 de julho, empresários horizontinenses, professores da FAHOR, o secretário de Desenvolvimento de Horizontina, Jackson Bartz, o prefeito, Antonio Otacílio Lajus e o professor de Economia, Alceu Van Der Sand.

Van Der Sand trouxe em sua fala questões relativas aos indicadores e dados socioeconômicos levantados até o momento no Corede – Conselho Regional de Desenvolvimento, com foco nas informações do município de Horizontina. Ele destacou que o município possui o maior índice de concentração de pessoas na área urbana da região Noroeste, e que não registra queda em seus índices populacionais, como acontece em pequenos municípios desta região.

O secretário de Desenvolvimento de Horizontina, Jackson Bartz destacou que o trabalho realizado pelo Corede traz dados importantes que serão analisados e então, definirão as ações futuras e os investimentos do município. “Queremos ampliar ações que desenvolvam a agricultura familiar, vamos conhecer o perfil das pessoas que residem no interior, características de lotes produtivos, uma série de informações que vão nos ajudar a desenvolver essa áreas, a partir do ano que vem. O Corede tem prioridades da região como um todo e a partir de hoje, vamos atrelar o desenvolvimento estratégico de Horizontina com o do Corede”, explicou o secretário.

Bartz lembrou ainda que entre as propostas para os próximos anos está a agroindustrialização. “Pretendemos apoiar a agricultura familiar com o auxílio e conhecimento da FAHOR, que fará um levantamento a campo, já acertado com o Curso de Economia, para planejarmos como faremos para atingir o planejamento estratégico, qual será o plano de ações que precisaremos desenvolver. Contaremos com toda a estrutura da Faculdade Horizontina. Temos visualizado um forte crescimento na área agroindustrial, por isso o curso de Engenharia de Alimentos da FAHOR chega no momento certo, pois será um foco importante deste trabalho”, afirmou o secretário.

Produção de vinhos: incentivo ao empreendedorismo

A Agroindústria Vinícola Adega 3 Ltda está iniciando o processo para sua instalação, partindo da iniciativa dos sócios Willian Kretschmer e Sandra Meller, com o apoio do governo municipal e instituições parceiras que apoiam o empreendedorismo, como a FAHOR.

Willian Kretschmer relata que ele a esposa possuem um sítio com praticamente 2 hectares e planejaram há algum tempo, como sustentar esse projeto. “Inicialmente houve muita aflição. Por que nos outros municípios dá certo e aqui não pode? Eu me indagava quanto a isso. Então fomos visitar outras propriedades, conversamos com pessoas e tivemos auxílio da Embrapa para desenvolver o projeto de videiras e hoje, com apoio do Município e entidades, apostamos na produção de vinhos. Nossa região permite essa produção, temos uma boa qualidade de uvas, e não perdemos para a Serra Gaúcha. Claro que possuem uma cultura de muito mais tempo, mas temos chances porque nossa uva amadurece 20 dias antes que lá. É importante trabalhar com estas possibilidades para o pequeno produtor, sabendo que ele não precisa deixar a atividade leiteira, por exemplo, mas pode incrementar a renda, seja com videiras, com citrus, ou outras opções, porque há espaço. É preciso desenvolver isso nos produtores”, comentou Willian.

Outro exemplo de empreendedorismo na transformação de matéria-prima é a polpa de fruta e sucos naturais do Abreu. A agroindústria familiar começou aos poucos e hoje já garantiu o selo de inspeção estadual e o federal, que permite a comercialização em todo o país, com frutas dos pomares de Horizontina.

Busca

Newsletter

Aniversários