X

NOTÍCIA

Curso de Engenharia Ambiental é oferecido pela primeira vez no Vestibular FAHOR 2018

Publicada em: 16/11/2017 | Assessoria de Comunicação FAHOR

Uma atividade em expansão e com um futuro promissor


O curso de Engenharia Ambiental da Faculdade Horizontina está sendo oferecido pela primeira vez neste vestibular. O curso é noturno, tem duração de 5 anos e oferece 35 vagas. Já com projetos em andamento, como o biodigestor, o curso é valorizado pelo seu potencial inovador na região e no estado, por demandas relacionadas ao saneamento e a Legislação Ambiental.

Durante a graduação, o aluno será preparado para atuar nas áreas de gestão de meio ambiente, tecnologias ambientais, ou mesmo como empreendedor. De acordo com o coordenador do Curso, professor Me. Adalberto Lovato, um dos papéis fundamentais do Engenheiro Ambiental é desenvolver e aplicar tecnologias para proteger o ambiente dos danos causados pelas atividades humanas. Essas capacitações serão possíveis por meio de professores preparados e uma excelente infraestrutura de laboratórios, tendo em vista que cursos na área de engenharia demandam muitas atividades práticas.

A FAHOR dispõe de vários laboratórios para o desenvolvimento de atividades práticas relacionadas às disciplinas do ciclo básico e específicas. Estão sendo projetados, até o momento, quatro laboratórios exclusivos para o curso: Laboratório de Solos – LaS; Laboratório de Topografia e Geoprocessamento – LaTG. Laboratório de Análise de Água – LaAA e Laboratório de Hidráulica, Hidrologia e Saneamento – LaHHS.

A demanda de profissionais formados nesta área é muito grande na Região Noroeste, devido ao elevado número de empresas nos setores: metalomecânico, de alimentos, na produção e fornecimento de energia elétrica, empresas prestadoras de serviços ambientais, além dos setores públicos municipal, estadual e federal. A região também necessita de atendimento relacionado à agricultura e pecuária, que carece de orientação, principalmente para locais apropriados para depositar dejetos, o que acaba proporcionando uma qualidade insatisfatória da água.

De acordo com a Bióloga e Coordenadora Adjunta do novo Curso, o estudante será preparado para exercer a profissão de Engenheiro Ambiental com competência no mercado de trabalho. “É um curso focado na formação técnico-científica, capaz de desempenhar as atividades com senso crítico, responsabilidade social, dentro dos princípios éticos, em um compromisso com o equilíbrio entre o desenvolvimento socioeconômico, a qualidade ambiental e o bem-estar da sociedade”, destacou a professora Dra. Marliza Reichert.

Busca

Newsletter

Aniversários